ONDA VERDE

Pesquisar este blog

Páginas

domingo, 2 de maio de 2010

PRIMEIRO DE MAIO DIA DE LUTA


 Neste domingo,2 de Maio, estive na manifestação  do  Ficha Limpa, e conversei com o Deputado Fernando Gabeira a respeito  do  1 de Maio de 1986, quando foi comemorado na Quinta da Boa Vista o Centenário do  1 de Maio, e que estavamos presentes ele pré candidato a Governador e eu  acompanhando  o Senador Luiz Carlos Prestes do  alto  de seus 88 anos de vida  então, Prestes que tem sua vida ligada aos principais acontecimentos políticos do  século XX de nossa história, e que foi  perseguido pelas ditaduras que se instalaram em nosso país, preso, cassado  e exilado pelos poderosos civís e militares, foi  desconvidado pela CUT e CGT para a festa do  trabalhador, revolucionário e para muitos teimoso foi  mesmo  assim  ao local do  evento na Quinta e quando começou  a fazer  o uso  da palavra saudando os trabalhadores presentes teve o som cortado, o que gerou  uma manifestação  de praticamente todas as pessoas   presentes no  evento  que queriam escutar a posição  do  veterano combatente da causa do  socialismo em nossa terra, a confusão foi  generalizada no palco, e teve uma voz de protesto naquele momento que foi a de  Gabeira que condenou  aquela atitude autoritária e que ia  de encontro  a tudo  que se defendia naquele palanque, e a falta de respeito  a um personagem de nossa história.
     O Primeiro  de maio é um dia de lutas dos trabalhadores, é comemorado desde 1886, após os massacres de Chicago, e tem uma relação  com a redução  da jornada de trabalho para 8 horas diários, em  todo  o mundo milhões de trabalhadores vão  as ruas  nessa data para reivindicar melhores condições de trabalho e renda, e com os acontecimentos recentes no  campo  ecológico, essa bandeira também faz parte dos movimentos trabalhistas em todo mundo, o da necessidade da preservação  de nosso  habitat, a preservação  da vida enfim a luta por um desenvolvimento  sustentável é também uma luta dos trabalhadores em todo planeta.

cruz.pedropaulo@uol.com.br

Ficha Limpa.Eu Apoio.

    Neste domingo 2 de Maio foi realizada uma manifestação a favor do Projeto Ficha Limpa que irá a votação de mérito no dia 4 de Maio no Congresso Nacional, a manifestação  em plena praia de Ipanema contou  com  apoio de centenas  de brasileiros desde jovens até pessoas da terceira idade, e de todos os segmentos sociais que lutam pelo  aprimoramento  da democracia em nosso país. Estive presente no  ato  assim como  o pré candidato a Governador do  Rio de Janeiro  Fernando  Gabeira e o Presidente do  Partido  Verde do  Rio Alfredo Sirkis, Gabeira foi saudado por todos e recebeu o carinho  dos que mesmo não  estando  na passeata, mais que  acompanhavam da orla  na calçada e nos quiosques e se mostraram  positivos em relação  ao projeto.
     O  Projeto de Lei Complementar, popularmente chamado  de Ficha Limpa, teve o apoio de 1,6 milhão  de assinaturas e ja foi adotado pelo Partido Verde na escolha de seus candidatos à eleição  de 2010, ele preve basicamente que se tornem inelegíveis candidatos que:

"d) os que tenham contra sua pessoa representação julgada procedente pela Justiça Eleitoral em processo de apuração de abuso do poder econômico ou político, para a eleição na qual concorrem ou tenham sido diplomados, bem como para as que se realizarem nos 8 (oito) anos seguintes;

e) os que forem condenados em primeira ou única instância ou tiverem contra si denúncia recebida por órgão judicial colegiado pela prática de crime descrito nos incisos XLII ou XLIII do art. 5º. da Constituição Federal ou por crimes contra a economia popular, a fé pública, os costumes, a administração pública, o patrimônio público, o meio ambiente, a saúde pública, o mercado financeiro, pelo tráfico de entorpecentes e drogas afins, por crimes dolosos contra a vida, crimes de abuso de autoridade, por crimes eleitorais, por crime de lavagem ou ocultação de bens, direitos e valores, pela exploração sexual de crianças e adolescentes e utilização de mão-de-obra em condições análogas à de escravo, por crime a que a lei comine pena não inferior a 10 (dez) anos, ou por houverem sido condenados em qualquer instância por ato de improbidade administrativa, desde a condenação ou o recebimento da denúncia, conforme o caso, até o transcurso do prazo de 8 (oito) anos após o cumprimento da pena;"

     Existem outras situações que se encontram na integra do Projeto , porém os dois itens acima que foram retirados dele colocam a importãncia da aprovação do Ficha Limpa para aprimorarmos a democracia e fazermos uma verdadeira faxina pré eleitoral evitando  que pessoas que não  tem  compromisso com a probidade administrativa venham a disputar cargos eletivos.